quinta-feira, 19 de junho de 2008

Haiku XXXI

Lusco-fusco,
ramo do pinheiro.
Coruja e cotovia

3 comentários:

ma grande folle de soeur disse...

As minhas fotos despertam-te muitas memórias felizes... Q bom! Olha se quiseres ler alguém q esteve recentemente em Macau, vai ao www.diáriodamulheraranha....
tem lá um relato completo e interessante das suas deambulações... bon week-end. Abraço

Daterra disse...

Obrigado pelos comentários que tens deixado no meu blog.

espero poder continuar a lê-los e perceber melhor a essência do haiku.

abraço

Lidia disse...

Captação de um instante da natureza. Um quadro impressionista.