quarta-feira, 30 de abril de 2008

Haiku XIV

No fundo da gruta
lentamente abriu-se
uma porta

1 comentário:

Lidia disse...

Gosto dessa porta que se abre lentamente no fundo da gruta.É uma mensagem de esperança.